terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Inverno Cubano

Havana, 23 de janeiro de 2008

Agora deve ser umas 3 ou 4 horas da manhã, logo mais eu vou ter prova prática. Bom, mas que se exploda (pra eu não dizer outra coisa) a prova. Eu acreditaria em Papai Noel, mesmo sendo cético, mas nunca iria acreditar que faz frio em Cuba. Sério, essa madrugada está fazendo 8ºC, porém a sensação térmica é inferior .E no aerepoto internacional José Marti houve registros de 5ºC. A real é que sempre fui cético. E pior é que me dei por conta que estava frio, quando o pessoal do Sul (tipo eu), da Argentina, Uruguay, Chile e das partes mais altas do Perú e da Bolívia, isso porque pra galera do norte e nordeste do Brasil já sente frio a 20ºC.
Igual, que se dane! Sempre fui cético e não é agora que vou deixar de ser. Digo que sou pior que São Tomé – há coisas que nem vendo eu acredito (ou “acardito” como dizia um tiobisavô meu – mais velho que o rascunho da Bíblia, diga-se de passagem. Se bem que hoje ele faz parte da matéria orgânica do solo, ou seja, voltou ao pó). Se não me engano, ele até “empacotou” antes do Big Bang , mas igual não vem ao caso, é só pra ilustrar que esse “causo” é antigo.
Até porque o caso é que incrivelmente faz frio no Caribe. Como eu descrevi nos textos anteriores que um moleton bastava, agora tive que colocar uma jaqueta mais grossa. Deixa eu enrolar neste parágrafo mais um pouco, é que não fica legal um parágrafo só com um período – os vestibulandos que o digam!!!! Pronto, muitos até podem dizer que sou uma pessoa vazia e sem conteúdo, alegando que uma prova disso é esse parágrafo, mas que se dane. Próximo parágrafo, por favor!! Obrigado!
E assim eu vou, com consideráveis Daltons (unidade de medida usada para quantidades e níveis moleculares) de cafeína a nível sangüíneo, se bem que pra mim cafeína tem efeito antagonista – eu tomo um metro cúbico de café e durmo como uma anta (porque o efeito é ANTAgonista – esse trocadilho foi péssimo, ultimamente venho me superando). É que também sempre fui uma criatura de hábitos noturnos, falando sério, prefiro dormir de dia, evitando os raios ultra violetas com comprimento de onda (λ, indicado pela letra grega Lâmbida)inferior a 310 nanômetros, mas igual, prefiroa noite. Isso até lembra a parte de física sobre ondas V = λ.f ,ou que a Velocidade é igual ao produto da multiplicação entre comprimento de onda pela freqüência. E pra decorar a porcaria da fórmula, tá valendo macetes de cursinho: Vamos Lamber Feridas!! Vamos Lamber Fiofó!! Vamos Lamber Fernanda Lima. Vamos Lamber Fernanda Paes Leme.
Ok, acho que acabei!! Divirtam-se!!!

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Zecaaa tu deveria ter feito o vestibular por mim!
    nooossa! Eu não me lembro dessas fórmulas lokas! (soh do macete do "vem lamber ferida!" q eu nem sei p/ q serve!)

    Muito me vi no "É que também sempre fui uma criatura de hábitos noturnos", prova disso q estou lendo teu blog às 3:46, e olha q nem eh pq são 16:46 na Austrália! (tá.. só um pokinhu!)

    adoro teus posts divertidos!
    e o senhor, como um futuro jornalista, pode sim pedir p/ o próximo parágrafo vir mais cedo!
    hehehehehehe

    beeeeeeeeijos

    ResponderExcluir